333bet -texto atualizado às 18h23 de 05/01/24 para correção de informaçãoContinua após publicidade Re

Movimentos realiz333bet -am atos em várias regiões do país

texto atualizado às 18h23 de 05/01/24 para correção de informação

Continua após publicidade

Representantes de movimentos populares e sindicais,áriasregiõesdopaí333bet - além de partidos políticos, organizam uma série de atos para marcar um ano do golpismo bolsonarista na Praça dos Três Poderes, em Brasília, em 8 de janeiro de 2023. Os atos acontecem em diferentes partes do país.

As manifestações já começam neste domingo (7), quando acontece o "Ato em Defesa da Democracia", em Brasília. A concentração está marcada para 10h, no Eixão, altura da 208 Norte. O ato é iniciativa de um conjunto de organizações, como a Central Única dos Trabalhadores no DF (CUT-DF) e o Fórum de Oposição Permanente ao Governo Ibaneis.

O ato dos movimentos e partidos políticos na capital federal foi marcado para domingo para não concorrer com o ato institucional que vai reunir líderes dos três Poderes e representantes do governo. O ato "Democracia Inabalada" acontece no próprio dia 8, no Congresso Nacional, a partir das 14h.

Atos pelas cidades em 8 de janeiro

O dia que marca um ano da intentona bolsonarista terá encontros em diversas partes do país. Em São Paulo, o ato organizado pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo acontece na Avenida Paulista, junto ao Museu de Arte de São Paulo (MASP), às 17h.

O evento no Rio de Janeiro também acontece às 17h de segunda-feira (8). A Frente Povo Sem Medo e  Frente Brasil Popular organizam o encontro na Cinelândia, tradicional ponto de concentração de manifestantes na região central da cidade.

Em Belo Horizonte, a Casa do Jornalista, sede do sindicato dos profissionais da área, recebe o "Ato em Defesa da Democracia - Ditadura Nunca Mais". O encontro é organizado pelo próprio sindicato, por partidos políticos e por centrais sindicais, e começa às 16h.

Os Comitês Populares de Luta do Espírito Santo, articulados com outros movimentos populares e sindicais e partidos políticos, realizam um ato na segunda-feira (8), a partir das 16h30, junto à Assembleia Legislativa (Ales). "Sem anistia para terroristas", diz o comunicado divulgado pelo grupo.

Edição: Thalita Pires


Relacionadas

  • &39;Democracia inabalada&39;: ato no Congresso reunirá chefes de Poderes para relembrar um ano dos ataques golpistas de 8 de janeiro

  • Ministério da Justiça e governo do DF assinam protocolo de segurança para 8 de janeiro

  • Sem anistia: punir os chefes e financiadores da intentona golpista de 8 de janeiro

Outras notícias

  • Datafolha: 63% dos brasileiros são contra anistia aos golpistas do 8 de janeiro

  • Israel vive novo final de semana de protesto contra reforma judiciária defendida por governo

  • Ex-ministro do STF, Joaquim Barbosa grava vídeos em apoio a Lula e com críticas a Bolsonaro

BdF
  • Quem Somos

  • Parceiros

  • Publicidade

  • Contato

  • Newsletters

  • Política de Privacidade

Redes sociais:


Todos os conteúdos de produção exclusiva e de autoria editorial do Brasil de Fato podem ser reproduzidos, desde que não sejam alterados e que se deem os devidos créditos.

Visitantes, por favor deixem um comentário::

© 2024.sitemap